Como garantir a segurança da informação no agronegócio?

Como garantir a segurança da informação no agronegócio?

Será que você dedica a atenção necessária para a segurança da informação no agronegócio? Essa é uma preocupação frequente para organizações de todos os segmentos, que buscando formas de se resguardar contra a perda de dados ou invasões de pessoas mal intencionadas.

Um agronegócio precisa lidar adequadamente com diversas informações sigilosas que envolvem suas operações internas, obrigações fiscais, informações bancárias, dados de clientes e fornecedores, entre outras. Qualquer complicação nesses processos pode gerar consequências negativas que impactam nos resultados alcançados.

Com o uso da tecnologia é possível aumentar a segurança da informação no agronegócio e facilitar os processos internos. Descubra ao longo deste artigo como você pode garantir essa segurança na sua empresa.

O que é a segurança da informação?

A segurança da informação no agronegócio representa a proteção de todos os dados que são trabalhados no dia a dia: informações financeiras, documentos internos, informações fiscais, contratos, históricos de comunicação, entre várias outras.

Todas essas informações devem ser tratadas com muito cuidado para evitar a perda de dados ou roubo de informações sigilosas. Levando isso em consideração, a segurança da informação se apoia em quatro pilares:

  1. Confidencialidade: garante que as informações sejam confidenciais. Ou seja, somente pessoas autorizadas podem ter acesso a elas.
  2. Integridade: garante que as informações possam ser acessadas na sua integridade, protegendo os dados para que não ocorram situações de violação ou modificação.
  3. Não repúdio: atribui a responsabilidade dos dados gerados a cada usuário – identificando os responsáveis por cada modificação realizada.
  4. Disponibilidade: garante que os dados estejam sempre disponíveis para os usuários que possuem autorização de acesso.

A importância da segurança da informação no agronegócio

Talvez você nunca tenha reparado, mas a segurança da informação no agronegócio pode fazer toda a diferença. Além de mantê-lo mais tranquilo em relação a possíveis riscos que você poderia correr, ainda é possível otimizar seus controles internos e o atendimento aos clientes.

Veja os principais pontos que ressaltam a importância da segurança da informação no agronegócio:

  • Acesso às informações. Quando as informações estão seguras e bem gerenciadas, todos os usuários conseguem ter um fácil acesso aos dados necessários para a realização dos seus trabalhos. Dessa forma, toda a atividade administrativa do agronegócio se beneficia.
  • Informações precisas. Qualquer informação imprecisa pode levar a tomadas de decisão equivocadas, não é? Com informações de qualidade, você tem mais segurança para gerenciar o seu agronegócio.
  • Aumento da produtividade. Imagine um agronegócio que possui suas informações armazenadas com segurança e disponíveis para os gestores. Com base nisso, é possível obter ótimos insights para melhorar os processos internos e aumentar a produtividade.
  • Redução de falhas. Pequenas falhas por desencontro de informações podem gerar consequências negativas para um agronegócio. Com informações seguras e precisas, esse problema é minimizado.

Como garantir a segurança da informação no agronegócio?

Agora que já ressaltamos a importância da segurança da informação no agronegócio, é importante conhecer boas práticas para aplicar isso nas suas atividades. Para ajudá-lo nesse processo, separamos algumas dicas:

Adote boas práticas e oriente sua equipe

Muitos dos problemas com a segurança da informação no agronegócio podem ser contornados introdução de boas práticas na empresa. Procure instruir sua equipe para reforçar suas senhas, não abrir links desconhecidos ou acessar sites suspeitos para evitar complicações.

Otimize a comunicação interna

A comunicação interna pode ser uma das responsáveis por brechas na segurança da informação no agronegócio. Quando a transmissão de dados ocorre da forma incorreta, você fica mais suscetível ao extravio de informações e ataques de hackers.

Para evitar isso, você pode buscar a padronização do fluxo de informações. A ideia é simplificar a comunicação com o uso de plataformas mais seguras – diminuindo as vulnerabilidades e melhorando a qualidade da comunicação interna.

Migre o armazenamento dos documentos para o formato digital

Você já perdeu um documento que estava armazenado nas gavetas do seu escritório ou no HD do seu computador? Ou então teve problemas com a segurança das informações sigilosas de seus clientes?

Esses são alguns dos problemas que podem ser resolvidos ao migrar o armazenamento dos documentos para o formato digital. Ao usar um software específico para gerenciar documentos eletrônicos você consegue armazenar todas as informações de forma segura.

Faça backups das informações

Outra ótima tática que pode ser explorara para aumentar a segurança da informação no agronegócio é realizar backups dos dados com frequência. Assim, você garante que suas informações continuem armazenadas mesmo em situações imprevistas.

Você gostou das dicas para garantir a segurança da informação no agronegócio? Quer saber como melhorar o gerenciamento dos documentos na sua organização? Então conheça o MegaGED – o software de Gestão Eletrônica de Documentos com o melhor custo-benefício do Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *